sábado , novembro 25 2017
Home / Câncer / Iniciativa do Instituto Lado a Lado pela vida leva medicina personalizada para debate no Senado

Iniciativa do Instituto Lado a Lado pela vida leva medicina personalizada para debate no Senado

Ampliar o acesso dos brasileiros à saúde é um dos principais desafios da agenda do País e pauta das discussões entre a sociedade civil e o Governo. Um dos caminhos abertos para a aplicação de tratamentos mais eficazes e para evitar desperdícios com diagnóstico equivocado ou aplicação de medicamentos inadequados é o da Medicina personalizada, já considerada um divisor de águas no âmbito da saúde em todo mundo. Esse é o tema central do I Fórum Nacional sobre Medicina Personalizada organizado pelo Instituto Lado a Lado pela Vida, em Brasília, nesta terça-feira, dia 15 de agosto, das 8:00 às 17:00 horas, no Auditório Antonio Carlos Magalhães, no Senado.

O objetivo do Fórum é promover uma ampla discussão sobre os avanços no campo da Medicina Personalizada e como as novas tecnologias e os estudos genéticos podem contribuir para a prevenção, o diagnóstico e o tratamento do câncer. Um dos objetivos da Medicina personalizada é o de analisar e entender as causas distintas de uma mesma doença, com sintomas semelhantes que, muitas vezes, um mesmo tratamento não traz boa resposta para diferentes pacientes.

Características genômicas específicas de cada individuo portador da doença, o tipo do medicamento utilizado e suas doses aplicadas são informações relevantes, pois já é consenso que não se pode padronizar, por exemplo, os tratamentos de certos tipos de cânceres.

Já estão confirmadas as presenças no evento de:

Fernando Sabino: Oncologista do Hospital Santa Lúcia, Brasília/DF. Vice-presidente do LACOG/GU (Grupo Cooperativo de Oncologia da América Latina). Membro da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC). Membro da Sociedade Americana de Oncologia (ASCO).

Gonzalo Vecina Neto: Médico e Mestre em Administração de Empresas na área da Saúde pela FGV. Foi Presidente da ANVISA – 1999/2003; Secretário municipal de saúde de São Paulo – 2003/2004. Superintendente Corporativo do Hospital Sírio Libanês – 2007/2016. Autor do livro Gestão Em Saúde – 2ª edição 2016.

Gustavo dos Santos Fernandes: Diretor Técnico do Centro de Oncologia – Unidade Brasília – Hospital Sírio-Libanês. Presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC) 2015/2017. Membro da American Society Of Clinical Oncology (ASCO).

Igor Morbeck: Oncologista. Ex-Presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica – Regional do Distrito Federal (2011-2013). Professor da Universidade Católica de Brasília. Oncologista Clínico Titular do Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês – Unidade Brasília. Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cancerologia (SBC) e da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC). Membro Titular da Sociedade Americana de Oncologia Clínica (ASCO) e da Sociedade Europeia de Oncologia (ESMO). Membro Titular da Associação Internacional de Estudo do Câncer de Pulmão (IASLC).

Marcelo Cruz:  Oncologista Clínico, pesquisador e Postdoctoral Fellow no Develepmental Therapeutics Program Division of Hematology/Oncology, Northwestern University, Chicago – EUA. Membro do Comitê Científico do Instituto Lado a Lado pela Vida

Marlene Oliveira: Empreendedora Social e Presidente do Instituto Lado a Lado pela Vida, instituição brasileira que apoia e desenvolve projetos e ações voltados à humanização da saúde. A missão do Instituto é levar conhecimento para o cidadão leigo sobre a saúde em diversas esferas: informação, apoio, conscientização, prevenção e tratamento, inclusão social, quebra de paradigmas e pré-conceitos.

Renata Coudry:  PhD, Coordenadora Médica do departamento de Anatomia Patológica do Hospital Sírio Libanês. Doutora em Oncologia pela Fundação Antonio Prudente e A C Camargo Cancer Center em São Paulo. Possui vasta experiência em Testes Moleculares e Anatomia Patológica.

Comentários

Sobre Jaqueline Falcão

mm
Jornalista por paixão e formação, Jaqueline Falcão escreve sobre saúde desde 2001. Começou no Diário Popular como repórter, foi editora de Saúde do Diário de São Paulo. Depois, foi transferida para o jornal O Globo, sucursal São Paulo, onde permaneceu por 7 anos. A ideia de criar o "Página da Saúde", voltado para falar de tratamentos, descobertas da medicina, qualidade de vida, foi a vontade de ter mais liberdade para falar saúde em seus diversos aspectos para pessoas que cada vez mais buscam informação de credibilidade. E para isso está sempre em coletivas, seminários e congressos médicos para trazer as novidades. Na Europa e Estados Unidos, participou de coberturas em congressos e seminários sobre os temas tabagismo, câncer, esclerose múltipla, pesquisa clínica, saúde masculina, saúde feminina, depressão, vacinas e patentes. Entre os cursos e workshops na área de jornalismo de saúde, destaque para ressuscitação cardiopulmonar, infarto, câncer de pele, tabagismo, pesquisas clínicas no Brasil e no Mundo, lançamentos de novas classes de medicamentos, realizados em instituições como Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Sírio-Libanês, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, Unicamp, Tufts University (Boston - EUA), UC San Diego, Inter American Press Association (IAPA) e Massachusetts Institute of Technology (MIT).

Veja Também

outubrorosa

Outubro Rosa: Consulta do Bem anuncia parceria com Femme- Laboratório da Mulher

O Consulta do Bem se uniu ao Femme – Laboratório da Mulher, para uma verdadeira …