terça-feira , julho 25 2017
Home / Filhos / Jalecos estampados e coloridos levam descontração a consultórios de dentistas e médicos

Jalecos estampados e coloridos levam descontração a consultórios de dentistas e médicos

jalecos

Se o jaleco branco intimidava as crianças no consultório médico ou do dentista – e era motivo de estresse – , isso já é coisa do passado em muitas clínicas. Profissionais com jalecos coloridos ou com estampas divertidas de corujas, flamingos e unicórnios são a nova realidade e quebram barreiras entre os profissionais e os pequenos pacientes.

A ideia inovadora vem de uma dentista. Ana Cecília Navarro fundou a Dra. Cherie junto com a irmã, Ana Carolina,  com intenção de fugir do branco e imprimir mais personalidade no ambiente do trabalho.

“Existe o medo do branco. Quando uma criança vê alguém de branco, já imagina uma agulha. Existem estudos que apontam que o atendimento é diferente quando os profissionais estão com jalecos coloridos”, conta a dentista.

A odontopediatra procurava algo para melhorar o atendimento em sua própria clínica quando teve a ideia. “Eu só encontrava em congressos. Então comecei eu mesma a fazer para mim. Minhas amigas começaram a pedir. E assim tudo começou”, conta Ana Cecília.

Na pediatria, os estampados e os lisos coloridos são os mais pedidos.Veterinários gostam de jalecos com tampas de oncinhas e cachorros. Há ainda pijamas para cirurgias.

Os jalecos da Dra. Cherie custam de R$ 129 a R$ 199, em média.

 

 

Comentários

Sobre Jaqueline Falcão

mm
Jornalista por paixão e formação, Jaqueline Falcão escreve sobre saúde desde 2001. Começou no Diário Popular como repórter, foi editora de Saúde do Diário de São Paulo. Depois, foi transferida para o jornal O Globo, sucursal São Paulo, onde permaneceu por 7 anos. A ideia de criar o "Página da Saúde", voltado para falar de tratamentos, descobertas da medicina, qualidade de vida, foi a vontade de ter mais liberdade para falar saúde em seus diversos aspectos para pessoas que cada vez mais buscam informação de credibilidade. E para isso está sempre em coletivas, seminários e congressos médicos para trazer as novidades. Na Europa e Estados Unidos, participou de coberturas em congressos e seminários sobre os temas tabagismo, câncer, esclerose múltipla, pesquisa clínica, saúde masculina, saúde feminina, depressão, vacinas e patentes. Entre os cursos e workshops na área de jornalismo de saúde, destaque para ressuscitação cardiopulmonar, infarto, câncer de pele, tabagismo, pesquisas clínicas no Brasil e no Mundo, lançamentos de novas classes de medicamentos, realizados em instituições como Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Sírio-Libanês, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, Unicamp, Tufts University (Boston - EUA), UC San Diego, Inter American Press Association (IAPA) e Massachusetts Institute of Technology (MIT).

Veja Também

brincarNICK2

Dia de Brincar da Nickelodeon acontece dia 27 em São Paulo

Todos nós sabemos que brincar é fundamental no desenvolvimento da criança. No próximo dia 27 …