sábado , julho 22 2017
Home / Lifestyle / Alimentação vegetariana não causa anemia, diz nutricionista

Alimentação vegetariana não causa anemia, diz nutricionista

A mudança no estilo de alimentação para se tornar vegetariano ainda envolve muitas crenças equivocadas e dúvidas. Há quem acredite que a pessoa possa sentir fraqueza por falta de proteína ou ainda desenvolver anemia por falta de ferro. Para desvendar estes e outros mitos, orientar e esclarecer dúvidas sobre a dieta livre de alimentos de origem animal, a nutricionista Ana Ceregatti, especialista em vegetarianismo e veganismo, ministra o curso Como tornar-se vegetariano de forma saudável e segura, que começa nesta quinta-feira, dia 4, no Instituto Ísvara, em Campinas.

 “Quando uma pessoa decide parar de comer carnes, surge uma enxurrada de críticas e dúvidas. Entre as questões principais está o fato da pessoa ficar sem fontes de proteína e ferro e, por conta disso, adoecer. Mas é preciso saber que em uma alimentação livre de produtos de origem animal é totalmente possível obter os nutrientes necessários para nosso organismo. As leguminosas, como por exemplo os feijões, são excelentes fontes vegetais de ferro. Antes de qualquer decisão, no entanto, é preciso se informar e contar com a orientação de um profissional”, explica Ana.
Durante os cinco encontros do curso, outros mitos como o de que mulheres vegetarianas não podem engravidar ou de que o bebê será prejudicado, além da questão do comprometimento da prática de atividade física, serão desvendados. “A verdade é que gestantes, lactantes e crianças podem perfeitamente ser vegetarianos e não terem qualquer problema, desde que a alimentação seja bem planejada, como seria para uma pessoa onívora nas mesmas condições. Já para quem pratica exercícios físicos, estudos em atletas mostram que não há qualquer diferença na performance de vegetarianos quando comparados com onívoros. Vamos tratar de todos esses temas e levar informação segura para os participantes”, afirma a nutricionista.

As aulas incluem ainda:

– lista completa de alimentos para facilitar as compras, separados por grupos e por locais de compra;
– tabela contendo os alimentos mais ricos nos principais nutrientes;
– lista de sites confiáveis para pesquisa e para receitas;
– receitinhas veganas para passar no pão, para servir no almoço/jantar e de sobremesas.
Ana Ceregatti
nutri
Ana Ceregatti é nutricionista clínica e se especializou no atendimento de vegetarianos, veganos e pessoas em transição para esse tipo de alimentação. É docente do curso de pós-graduação em Nutrição Vegetariana, pela Faculdade Santa Helena, em Recife, e colunista da Revista dos Vegetarianos. Atualmente, atende nos consultórios de Campinas e de São Paulo. Também tem formação em yoga, pelo Instituto Ísvara, onde ministra aulas no Curso de Formação de Professores de Yoga, e em ayurveda, pela Clinica Dhanvantari, em São Paulo.

Mais informações:  http://www.isvara.com.br.

Comentários

Sobre Jaqueline Falcão

mm
Jornalista por paixão e formação, Jaqueline Falcão escreve sobre saúde desde 2001. Começou no Diário Popular como repórter, foi editora de Saúde do Diário de São Paulo. Depois, foi transferida para o jornal O Globo, sucursal São Paulo, onde permaneceu por 7 anos. A ideia de criar o "Página da Saúde", voltado para falar de tratamentos, descobertas da medicina, qualidade de vida, foi a vontade de ter mais liberdade para falar saúde em seus diversos aspectos para pessoas que cada vez mais buscam informação de credibilidade. E para isso está sempre em coletivas, seminários e congressos médicos para trazer as novidades. Na Europa e Estados Unidos, participou de coberturas em congressos e seminários sobre os temas tabagismo, câncer, esclerose múltipla, pesquisa clínica, saúde masculina, saúde feminina, depressão, vacinas e patentes. Entre os cursos e workshops na área de jornalismo de saúde, destaque para ressuscitação cardiopulmonar, infarto, câncer de pele, tabagismo, pesquisas clínicas no Brasil e no Mundo, lançamentos de novas classes de medicamentos, realizados em instituições como Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Sírio-Libanês, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, Unicamp, Tufts University (Boston - EUA), UC San Diego, Inter American Press Association (IAPA) e Massachusetts Institute of Technology (MIT).

Veja Também

mamografiapristina

Novo aparelho para mamografia permite que mulheres controlem o exame

Muitas mulheres deixam para depois a realização da mamografia pelo medo da dor e do …