sábado , julho 22 2017
Home / Lifestyle / Festival “Comida Di Buteco” tem cereais como temática nos petiscos neste ano

Festival “Comida Di Buteco” tem cereais como temática nos petiscos neste ano

kebab

 

A edição 2017 do festival gastronômico “Comida Di Boteco” , que vai até o dia 14 de maio,  terá cereais como temática nos petiscos. Os 500 estabelecimentos participantes, em 20 cidades, que concorrem ao prêmio de melhor do Brasil, terão que adicionar um cereal no ingrediente do seu prato participante do concurso.

No Brasil, entre os cereais mais conhecidos estão arroz, aveia, cevada, linhaça, quinoa e trigo. No mundo, respondem como grupo alimentar mais consumido. E são fonte rica para criação de receitas.

Pelas regras do festival, cada concorrente é avaliado em quatro categorias (petisco, atendimento, higiene e temperatura da bebida). Os petiscos são criados exclusivamente para o evento e custam, no máximo, R$ 25,90.

Lilian Sallum, filha do saudoso Fuad, do Esquina Grill, no centro de São Paulo, fez um prato para homenagear o pai: O kebab do Fuad – tradicional lanche do Oriente Médio recheado com picanha, tomate, cebola, molho e especiarias. Os cereais selecionados para o prato são o trigo e a cevada. (O blog aprovou: imperdível)

“Eu cresci aqui dentro. Amo este lugar e é o que eu escolhi fazer”, conta, orgulhosa.

 

 

Comentários

Sobre Jaqueline Falcão

mm
Jornalista por paixão e formação, Jaqueline Falcão escreve sobre saúde desde 2001. Começou no Diário Popular como repórter, foi editora de Saúde do Diário de São Paulo. Depois, foi transferida para o jornal O Globo, sucursal São Paulo, onde permaneceu por 7 anos. A ideia de criar o "Página da Saúde", voltado para falar de tratamentos, descobertas da medicina, qualidade de vida, foi a vontade de ter mais liberdade para falar saúde em seus diversos aspectos para pessoas que cada vez mais buscam informação de credibilidade. E para isso está sempre em coletivas, seminários e congressos médicos para trazer as novidades. Na Europa e Estados Unidos, participou de coberturas em congressos e seminários sobre os temas tabagismo, câncer, esclerose múltipla, pesquisa clínica, saúde masculina, saúde feminina, depressão, vacinas e patentes. Entre os cursos e workshops na área de jornalismo de saúde, destaque para ressuscitação cardiopulmonar, infarto, câncer de pele, tabagismo, pesquisas clínicas no Brasil e no Mundo, lançamentos de novas classes de medicamentos, realizados em instituições como Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Sírio-Libanês, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, Unicamp, Tufts University (Boston - EUA), UC San Diego, Inter American Press Association (IAPA) e Massachusetts Institute of Technology (MIT).

Veja Também

mamografiapristina

Novo aparelho para mamografia permite que mulheres controlem o exame

Muitas mulheres deixam para depois a realização da mamografia pelo medo da dor e do …