sábado , julho 22 2017
Home / Sem categoria / Você sabe por que as pessoas têm hérnia?

Você sabe por que as pessoas têm hérnia?

Muitas pessoas já ouviram falar de hérnia e boa parte acham que é “uma bolinha”, “um cisto”. Vamos entender melhor?

Sem causa evidente, sabe-se que a hérnia acontece pela perda da elasticidade muscular. Fatores como constipação ou tosse crônicas, fibrose cística, próstata aumentada, obesidade, má alimentação, tabagismo, esforço excessivo e testículos que não desceram, podem desencadear a hérnia, mas não são decisivos. “Estamos falando de pacientes que, se não acompanhados da devida forma podem progredir para obstrução do intestino e até necrose”, alerta o coordenador do Centro de Hérnia do Hospital Samaritano de São Paulo,  Alberto Meyer.

 As mais comuns, inguinal e umbilical que correspondem a 90% dos casos, já possuem recursos cirúrgicos modernos que facilitam o procedimento e a recuperação do paciente. “Para realizar a cirurgia da hérnia inguinal a laparoscopia é o método mais indicado. Minimamente invasiva, feita por microfuros na parede abdominal, o procedimento dura, em média, 40 minutos e o paciente recebe alta no mesmo dia”, destaca o especialista. Já a umbilical é realizada por um corte no umbigo e inserido a tela, assim como na inguinal, para reforço da musculatura. O procedimento dura em média 20 minutos e também no mesmo dia o paciente já está em casa.

 “Hoje, com o auxílio da tecnologia, em três dias a pessoa já está apta à retomar as atividades”.

 Dados divulgados pelo IBGE revelam que 5.5 milhões de brasileiros sofrem de hérnia. Embora comum, essa patologia ainda é motivo de muita dúvida para a população em geral.

 

A hérnia pode permanecer anos sem alteração, mas a tendência é que aumente de tamanho progressivamente, causando desconforto. Em casos extremos o paciente pode sofrer o chamado encarceramento, quando o intestino passa por meio do orifício da hérnia e não volta mais para a região interna do abdome. Outro agravante, segundo o especialista, é o fluxo de sangue ser interrompido (estrangulamento) e levar à necrose, sendo o paciente submetido a uma cirurgia de emergência. “Nesses casos o repouso é fator primordial. O corpo precisa de tempo para cicatrizar a região operada”.

 Para finalizar, o especialista alerta sobre os principais sintomas das hérnias tipo inguinal ou umbilical:

·         Inchaço na área afetada, quando pequenas;

·         dor no local;

·         náuseas sem motivo aparente;

·         vômitos e,

·         presença de sangue nas fezes.

 Por isso, a qualquer indicação ou sintoma inicial, é fundamental que o paciente procure por um especialista que indicará os exames a serem feitos.

Comentários

Sobre Jaqueline Falcão

mm
Jornalista por paixão e formação, Jaqueline Falcão escreve sobre saúde desde 2001. Começou no Diário Popular como repórter, foi editora de Saúde do Diário de São Paulo. Depois, foi transferida para o jornal O Globo, sucursal São Paulo, onde permaneceu por 7 anos. A ideia de criar o "Página da Saúde", voltado para falar de tratamentos, descobertas da medicina, qualidade de vida, foi a vontade de ter mais liberdade para falar saúde em seus diversos aspectos para pessoas que cada vez mais buscam informação de credibilidade. E para isso está sempre em coletivas, seminários e congressos médicos para trazer as novidades. Na Europa e Estados Unidos, participou de coberturas em congressos e seminários sobre os temas tabagismo, câncer, esclerose múltipla, pesquisa clínica, saúde masculina, saúde feminina, depressão, vacinas e patentes. Entre os cursos e workshops na área de jornalismo de saúde, destaque para ressuscitação cardiopulmonar, infarto, câncer de pele, tabagismo, pesquisas clínicas no Brasil e no Mundo, lançamentos de novas classes de medicamentos, realizados em instituições como Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Sírio-Libanês, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, Unicamp, Tufts University (Boston - EUA), UC San Diego, Inter American Press Association (IAPA) e Massachusetts Institute of Technology (MIT).

Veja Também

plano

SulAmérica registra alta no segmento saúde e odontologia

A SulAmérica divulgou nesta terça-feira, 21 de fevereiro, os resultados da companhia no ano de …