terça-feira , julho 25 2017
Home / Tratamentos / Saúde masculina: novo medicamento trata aumento da próstata

Saúde masculina: novo medicamento trata aumento da próstata

Acaba de ser lançado um novo medicamento, o Dastene (dutasterida), que reduz o volume da próstata, promovendo o alívio dos sintomas, além de melhorar o fluxo urinário e reduzir o risco de retenção urinária aguda (RUA) e a necessidade de cirurgia. Dastene está disponível em embalagens com 30 cápsulas moles de 0,5 mg para administração oral.

Mockup_Dastene_151202_163449

A hiperplasia prostática benigna, ou seja, o aumento da próstata, acomete cerca de 50% dos homens acima de 50 anos, chegando a 90% dos idosos acima dos 90 anos. Os sintomas da HPB estão relacionados diretamente às disfunções miccionais. Sendo os mais comuns à urgência e dificuldade ao urinar, infecções urinárias e retenção urinária, incomodando boa parte dos homens e prejudicando sua qualidade de vida.

“É fundamental a avaliação médica periódica, por meio de consultas ao urologista para o exame clínico e dosagem de PSA para detecção da HPB. O tratamento farmacológico com a dutasterida é uma das formas de conter a progressão da doença em homens com aumento do tamanho da próstata, diminuindo a incidência de complicações como a retenção urinária e procedimentos cirúrgicos devido a HPB”, afirma Fabiana Sanches, gerente médica do Aché.

Aumento em idosos

A HPB é uma das 10 doenças mais comuns entre homens acima dos 50 anos. Segundo estudo publicado pela “European Urology”, 46% dos homens acima dos 50 anos de idade irão sofrer os sintomas da HBP – e 90% com mais de 80 anos são diagnosticados com o problema. Estima-se que 8,5 milhões de brasileiros sofram com transtornos de micção provocados pela HPB.

 

Comentários

Sobre Jaqueline Falcão

mm
Jornalista por paixão e formação, Jaqueline Falcão escreve sobre saúde desde 2001. Começou no Diário Popular como repórter, foi editora de Saúde do Diário de São Paulo. Depois, foi transferida para o jornal O Globo, sucursal São Paulo, onde permaneceu por 7 anos. A ideia de criar o "Página da Saúde", voltado para falar de tratamentos, descobertas da medicina, qualidade de vida, foi a vontade de ter mais liberdade para falar saúde em seus diversos aspectos para pessoas que cada vez mais buscam informação de credibilidade. E para isso está sempre em coletivas, seminários e congressos médicos para trazer as novidades. Na Europa e Estados Unidos, participou de coberturas em congressos e seminários sobre os temas tabagismo, câncer, esclerose múltipla, pesquisa clínica, saúde masculina, saúde feminina, depressão, vacinas e patentes. Entre os cursos e workshops na área de jornalismo de saúde, destaque para ressuscitação cardiopulmonar, infarto, câncer de pele, tabagismo, pesquisas clínicas no Brasil e no Mundo, lançamentos de novas classes de medicamentos, realizados em instituições como Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Sírio-Libanês, Hospital das Clínicas, Universidade de São Paulo, Unicamp, Tufts University (Boston - EUA), UC San Diego, Inter American Press Association (IAPA) e Massachusetts Institute of Technology (MIT).

Veja Também

artrite

Pesquisa revela que novo medicamento consegue eliminar sintomas da artrite reumatoide

Um novo medicamento, o upadacitinibe, em desenvolvimento pela AbbVie, tem apresentado bons resultados em pacientes …